Arquivo por categoria: Cidades

fev
13

Budh Gaya e Encontro Internacional de Budismo

Depois dos poucos, mas intensos dias em Varanasi, no dia 31/01/12, fui para Bodh Gaya (http://en.wikipedia.org/wiki/Bodh_Gaya), cidade que provavelmente é considerada uma das mais sagradas para o Budismo, já que foi lá, depois de 49 dias de meditação, de baixo de uma árvore Bodhi Tree (http://en.wikipedia.org/wiki/Bodhi_Tree), que Gautama Buddha (http://en.wikipedia.org/wiki/Gautama_Buddha), teve sua iluminação e a …

Continue lendo »

fev
13

Varanasi, o lugar mais sagrado da Índia.

Depois de sair da cidade dos Templos do Kamasutra (Khajuraho), fui para Varanasi (http://en.wikipedia.org/wiki/Varanasi), no dia 27/01/12, em mais uma viagem noturna de trem, mas desta vez, mesmo tendo ficado na cama superior, que não dá nem para ficar sentado, consegui dormir um pouco melhor, já que no compartimento, não tinha ninguém que roncasse. Cheguei …

Continue lendo »

jan
26

Se o Butman, acha que conhece filmes pornôs, é porque nunca visitou Khajuraho!!!

Sai de Amritsar no dia 23/01, as 05:00 da manhã, em uma madrugada fria, cerca de 10˚C e voltei para New Delhi, já que não tinha trem direto de Amritsar para Khajuraho, mas desta vez, a passagem por Delhi, foi bem curta, pois as 20:00 peguei um trem noturno para Khajuraho (http://en.wikipedia.org/wiki/Khajuraho_Group_of_Monuments), uma cidade que fica …

Continue lendo »

jan
23

Amritsar e meus primos de Punjab…

Desde que cheguei na Índia, alguns indianos acham que também sou daqui, especificamente de Panjab, uma região que faz fronteira com o Paquistão e onde os homens, os Sikhs (http://en.wikipedia.org/wiki/Sikh) usam turbantes e barbas longas ou devidamente presas com um tipo de “rede”ou engomadas e coladas ao rosto, com um tipo de gel. Por isso …

Continue lendo »

jan
22

Golden Triangle (Delhi-Agra-Jaipur) & Pushkar

Probelmas com o Mac parcialmente resolvidos, depois de uma semana em Delhi por conta disso, mas ainda não recuperei os arquivos antigos do HD interno. Vou tentar na Thailandia ou mandar para o Brasil… então: Keep Walking, life must going on… No sábado, 07/01, aniversário do meu Irmão André Duarte, a Patrícia chegou de Paris, …

Continue lendo »

jan
18

Rishikesh: Should I stay or Should I Go?!?!?

Bem, meu plano incial para Rishikesh, era ficar não mais do que 2 semanas, mas este lugar parece que tem algo que te prende, parece não, tem…. Não sei se é a energia do Rio Ganges, se são as pessoas que vai conhecendo, a vida calma, o lado místico e espiritual, o momentos de reflexão, …

Continue lendo »

dez
08

Rishikesh, onde Corpo, Alma e Mente se alinham com seus Chacras!!!

Depois de alguns dias intensos e digamos empoeirados em Delhi, resolvi vir para Rishikesh (http://en.wikipedia.org/wiki/Rishikesh), uma cidade que fica no Noroeste da Índia, na província de Uttarakhand, cerca de 7 horas de ônibus de Delhi. A viagem é feita a noite, mas é praticamente impossível dormir, bem, pelo menos eu não consegui e olha que …

Continue lendo »

dez
02

A próxima super grande potência: China

Depois de deixar a Mongólia, parti para última etapa da Transiberiana, Beijing, China. Originalmente a Transiberiana não vai para Beijing, mas sim para Vladivostok, perto do Japão, o caminho para Beijing, passando pela Mongólia é conhecido como Transmongoliana. Cheguei na China no dia (11/09/2011) e também já havia agendado o transfer com o albergue, esta …

Continue lendo »

nov
30

A Caminho das Índias – New Delhi

Depois de mais de um mês de Nepal, chegou a hora de partir para um novo destino, Índia, New Delhi (capital), terra das especiarias, país que desperta muita curiosidade, magia e imaginação na mente ocidental. Sai do Nepal no dia 17/11 e cheguei em Delhi no mesmo dia, o aeroporto é bem grande, organizado e …

Continue lendo »

nov
30

Nas terras de Gengis Khan. Mongólia

Depois de algumas horas de trem e longa espera pelos processos alfandegários, enfim cheguei na Mongólia (31/08/2011). O transfer (motorista), já estava me esperando na saída da estação, comigo também estavam a Samantha e o Mike (holandeses), pois eles tinham passagem no mesmo trem que eu e não tinham local para ficar em Ulaan Baator …

Continue lendo »

Posts mais antigos «